AMP - Advanced Management Program

Alta gestão com alta performance. A FAE, em parceria com a Esade Business School de Barcelona, trouxe para Curitiba o Advanced Management Program (AMP), um curso destinado a diretores de empresas, empreendedores de negócios em franco desenvolvimento e profissionais de alto potencial que aspirem ocupar cargos de liderança.

Um curso com diploma reconhecido em toda a Europa, somando a credibilidade da FAE à experiência da Esade, apontada pelo The Wall Street Journal e pelo The Financial Times como uma das melhores escolas de negócios da Europa.

Com aulas ministradas em espanhol e em português, por professores da Esade e da FAE, o AMP propiciará a você o desenvolvimento de habilidades, conhecimentos e atitudes essenciais para exercer a direção-geral de uma empresa, com visão estratégica na tomada de decisões, perspectiva ampla sobre a organização e seu entorno, capacidade de interpretar cenários futuros e gerir as mudanças, dentre diversas outras qualidades que formam um administrador completo e alinhado com os mais modernos conceitos globais de negócios e empreendedorismo.

Aprenda com uma das melhores escolas de negócio do mundo !

A Esade Business School é a primeira escola de negócios da Espanha e uma das poucas na Europa reconhecidas pelas três organizações de credenciamento mais prestigiadas em todo mundo: AACSB International, EQUIS, o galardão outorgado pela European Foundation for Management Development (EFMD), e a britânica Association of MBAs (AMBA).

Com vasta experiência em business, desenvolve atividades no mundo todo, especialmente na América Latina, sendo reconhecida como centro de excelência em formação de executivos, aparecendo nos principais rankings internacionais de escolas de negócios.



Saiba mais sobre a Esade

Informações Gerais do curso

Participar do AMP é uma experiência de intensa imersão em conceitos inovadores e plenamente aplicáveis dentro dos mais variados modelos de negócios, tornando cada aluno um profundo conhecedor de critérios e metodologias de trabalho eficazes na gestão de sua organização.

É também a garantia de formação de um networking privilegiado, agregando empresários de peso do mundo todo, municiados com informações atuais e praticantes de modelos de gestão eficientes.
O desenvolvimento de estudos sai do campo teórico para ser posto à prova em workshops, role playing e trabalhos em equipe, gerando interatividade, troca de experiências e ampliação da visão de mercado e de estratégias corporativas. A gestão de pessoas recebe destaque em módulos especiais, todos contando com metodologias diversificadas de aprendizagem e desenvolvimento, podendo ser utilizadas não apenas durante o curso, mas também ao longo de suas atividades administrativas, aprimorando continuamente a aplicação de seus conhecimentos em gestão.
 
O intercâmbio de ideias e de know how é responsável por um modelo de aprendizagem orgânico e interativo, fazendo com que o conhecimento seja compartilhado e trabalhado em diversas perspectivas. A pluralidade nas experiências dos participantes é, ao mesmo tempo, o agente impulsionador de novas propostas e a oportunidade de formação de um networking seletivo, confiável e promissor na criação e a promoção de negócios futuros.

Este intercâmbio é promovido em discussões em grupo, almoços de trabalho, atividades sociais e fazendo uso de tecnologias de informação. Por meio destas ocasiões e mecanismos, geramos análises de casos, simulações de gestão e debates sobre estratégias para o levantamento de ações bem-sucedidas. Os conteúdos são disponibilizados em meio digital, com acesso via web a materiais e documentação acadêmica, ampliando o compartilhamento de recursos e de conhecimentos para além da sala de aula.
 
O último módulo do AMP ocorre em Barcelona, com aplicação da tecnologia de um jogo empresarial que exercitará as técnicas que você aprenderá durante o curso. É a oportunidade de conhecer, presencialmente, os mestres e a estrutura da Esade. Um líder atualizado tem de utilizar as técnicas e ferramentas mais atuais e de eficácia comprovada no mundo todo. E é por isso que a experiência internacional tem uma importância tão imperiosa para as lideranças do mundo atual.
 
É dividido em três fases. A primeira, para revisão do exercício da direção-geral e análise do papel estratégico e de empreendedor.

A segunda fase busca a análise da contribuição dos diversos recursos e áreas funcionais à estratégia empresarial.

E a terceira fase aborda o desenvolvimento das pessoas como motores da liderança e a gestão da mudança por meio do exercício de liderança efetiva.
Estratégia competitiva e entorno

  • Papéis e tarefas da direção-geral
  • Diferentes estilos, modelos e sistemas de liderança.
  • Compreensão da natureza da estratégia empresarial.
  • Tomada de decisões de caráter estratégico.
  • Análise, formulação e implantação de estratégias.
  • Integração (cultural e geograficamente global) de diferentes áreas funcionais.


Análise e planificação financeira

  • Instrumentos para a realização da análise dos estados financeiros da empresa (do ponto de vista estático ao dinâmico).
  • Análise de situação patrimonial, conta de resultados e parâmetros-chave que a afetam.
  • Análise da relação entre o rendimento econômico e a rentabilidade financeira.
  • Confecção dos estados de previsão a longo prazo (balanços e contas de exploração) como elementos de validação das consequências econômico-fi nanceiras do plano estratégico.


Liderança em marketing

  • Estudo de conceitos e orientações gerais de marketing.
  • Compreensão do papel do processo de marketing como gerador de valor.
  • Análise da relação do marketing com a estratégia geral da empresa.
  • Estudo de pesquisa e análise de conduta do consumidor.
  • Estudo da competência e do mercado.
  • Identificação de oportunidades de negócios.
  • Estudo das decisões e variáveis de gestão da direção de marketing.


Liderança Transformacional

  • Analisar o processo de liderança transformacional dentro de um cenário complexo e competitivo das organizações.
  • Estudar as questões relacionadas a requisitos, necessidades e condições do exercício da liderança transformacional que contribuem com os resultados esperados.
  • Considerar o desempenho do líder como intérprete e executor das melhores práticas de gestão, proporcionando um sentido de ação e transformação aos indivíduos e às equipes e facilitando o alcance dos indicadores de alto desempenho.
 Finanças corporativas

  • Discussão dos principais critérios de seleção de investimentos (VAN, TIR e PAYBACK).
  • Problemática dos diferentes sistemas para a valorização das empresas para os casos de fusões e aquisições (discounted cashfl ow, múltiplos de EBITDA e outros).
  • Aspectos de finanças internacionais dos quais é impossível subtrair (em particular) as flutuações dos tipos de câmbios e de juros.
  • Apoio de números e função do controller na criação de relatórios que facilitem a tomada de decisões.
  • Aporte das finanças corporativas no papel de controle para a direção-geral e a elaboração de quadros de comando.


Gestão Estratégica de Operações

  • Entender os processos componentes e as áreas de decisão da Gestão de Operações, tais como:
  • Desenvolvimento de produtos e serviços, projeto de sistemas de produção, gestão da capacidade de produção, sistemas de puxar e empurrar a produção, gestão da cadeia de suprimentos, gestão da qualidade.
  • Posicionar a Gestão de Operações como forma de obter vantagem competitiva.


Direção estratégica de pessoas

  • Mecanismos para desenvolver e melhorar as competências de gestão dos executivos participantes.
  • Competências que influenciam na eficiência dos indivíduos e das equipes.
  • Aumento da eficácia do conjunto da organização por meio das pessoas.
O executivo do futuro

  • Gestão dos estados de ânimo e da distância entre a realidade e o objetivo.
  • Definição dos problemas e das oportunidades para a conquista do comprometimento da equipe.
  • Otimização da comunicação com desenho de novas conversações.
  • Relação entre qualidade das decisões e estilos de liderança.
  • Estudo do processo de gestão das emoções da equipe e das ferramentas para obter o seu comprometimento.


Inovação e Criatividade

  • Conceituação de criatividade e de inovação.
  • Mecanismos de identificação de paradigmas.
  • Modelos para gerir a incerteza e gerar opções antes da tomada de decisões.
  • Definição de problemas e oportunidades.
  • Formas de não afetar a percepção de interesses, paradigmas e estados de ânimo, na procura de alternativas originais.


Simulação de Gestão

  • Implementação da estratégia gerando mudanças que afetam não somente processos, mas, principalmente, atitudes, capacidades e comportamentos, por meio de um jogo de simulação, com exercício da tomada de decisões na gestão de uma empresa, num entorno global.


Este módulo será cursado na Esade Business School, de Barcelona, em maio de 2017.








Gostou do curso?

Compartilhe:
Quer saber mais?
Entre em contato com a nossa
Central de Atendimento

Conheça outros cursos que a FAE oferece: