Notícias

15.12.2017

Estudantes de Psicologia realizam pesquisa nacional sobre Assédio



Com o intuito de traçar um perfil sobre a percepção das pessoas a respeito do assédio sexual, os alunos do curso Psicologia da FAE Bruna Rios, Mayara Kelly da Costa, Vivian Biscaia e Willian Ferruci realizaram uma pesquisa quantitativa, durante uma semana, que conseguiu mais de oito mil respostas.

Proposta pelo professor Adriano Toledo, na disciplina de Estatística, a apuração foi disseminada de forma eletrônica e considerou ambos os sexos, de forma global e democrática. O estudo quis saber o quanto as pessoas sabem sobre o assunto e também dar um enfoque ao impacto do assédio na vida das pessoas. Professor e acadêmicos estão atuando em conjunto para dar continuidade a pesquisa. “O semestre terminou, mas a ideia é continuar a desenvolver novas pesquisas comportamentais com esse grupo de alunos.”, explica Adriano.

Os resultados
Um índice impressionante apresentado na pesquisa apontou que 9 a cada 10 mulheres brasileiras já foram vítimas de assédio sexual em diversos ambientes, contudo apenas 7,4% delas denunciaram esse abuso. Em relação aos homens, mais da metade declarou ter sofrido alguma forma de abuso sexual. Entre a formas que mais incomodam e que, ao mesmo tempo, são mais corriqueiras estão as manifestações de assédio na rua, no transporte público e na balada. Sendo assim, 70% das pessoas ouvidas nas pesquisas declaram já ter mudado a rotina para evitar o assédio.


Compartilhe: